Kasey Kahne pela segunda vez

Kasey Kahne conquistou sua segunda vitória da temporada no Atlanta Motor Speedway e ficou mais perto de assegurar um lugar no Chase da NASCAR Sprint Cup, que começa em duas semanas.

O piloto da Richard Petty Motorsports aproveitou ao máximo seu ritmo nos trechos curtos para ultrapassar Kevin Harvick na última relargada a 11 voltas do final e conseguir um triunfo que lhe permitiu subir de 11º para 6º na pontuação, restando apenas uma prova antes da definição dos 12 que disputarão o playoff da categoria.

Kahne havia liderado a corrida por breves períodos antes do sprint final, mas enfrentara dificuldades para manter seu ritmo em trechos longos. Harvick viveu uma situação exatamente oposta, parecendo ser o mais veloz nos longos períodos de bandeira verde, junto com Juan Pablo Montoya, da Earnhardt Ganassi.

Harvick liderava confortavelmente antes de seu companheiro na Richard Childress, Clint Bowyer, rodar na curva 4, causando a nona e última bandeira amarela do evento a 17 voltas do final. Com o desgaste dos pneus tendo sido considerável ao longo da prova, todos os líderes optaram por fazer um pit-stop a fim de trocá-los.

Na volta à pista, Harvick conseguiu manter a liderança, com Kahne subindo de terceiro para segundo, à frente de David Reutimann, enquanto Montoya caiu de segundo para quarto antes da relargada final da corrida.

Duas voltas depois da bandeira verde ser agitada pela última vez, Kahne passou o líder por fora, em uma repetição do que havia ocorrido em uma relargada anterior após a sexta bandeira amarela. Porém, restando apenas nove voltas, não houve tempo suficiente para Harvick recuperar seu ritmo e desafiar o carro cada vez mais traseiro de Kahne no final.

Harvick liderou um total de 66 voltas durante a noite, apenas duas a menos do que o pole position Martin Truex Jr. Ele acabou suportando a pressão do outro carro da Earnhardt Ganassi, de Montoya, nas últimas voltas, conseguindo um segundo lugar que igualou seu melhor resultado na temporada e restaurou um pouco da confiança de uma equipe que vem enfrentando seu ano mais difícil.

Montoya novamente esteve na disputa pela vitória, tomando a liderança de Kahne a 55 voltas do final. Ele liderou durante 30 voltas antes de ser ultrapassado por Harvick a 20 da bandeirada, mas caiu para quarto em seu último pit-stop. Porém, seu terceiro lugar lhe permitiu ganhar uma posição na pontuação e ficar mais perto de sua meta de entrar no Chase.

Reutimann obteve um impressionante quarto lugar, enquanto Mark Martin teve um dia tranquilo a caminho do quinto posto. Denny Hamlin também lutou pela ponta em certos momentos, terminando em sexto e assegurando sua vaga no Chase pelo quarto ano consecutivo.

Editado e Modificado de Autoracing blog

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: